Papo de índio

17:36



Hoje é aquele dia do ano que ao passar pela rua, vamos ver inúmeras crianças vestidas de índio. Hoje é o dia dos primeiros habitantes das terras americanas . 19 de abril, é o dia do índio - mas isso a gente já sabe. O termo "índio" provém do facto de que Cristóvão Colombo, quando chegou à América, estava convencido de que tinha chegado à Índia, haja vista que o gentílico espanhol para a pessoa nativa da Índia é indio (índio), e dessa maneira chamou os povos indígenas que ali encontrou. Por essa razão também, ainda hoje se refere às ilhas do Caribe como Índias Ocidentais. Mas você sabe o porquê dessa data?


Origem da data 

Para entendermos a data, devemos voltar para 1940. Neste ano, foi realizado no México, o Primeiro Congresso Indigenista Interamericano. Além de contar com a participação de diversas autoridades governamentais dos países da América, vários líderes indígenas deste contimente foram convidados para participarem das reuniões e decisões. Porém, os índios não compareceram nos primeiros dias do evento, pois estavam preocupados e temerosos. Este comportamento era compreensível, pois os índios há séculos estavam sendo perseguidos, agredidos e dizimados pelos “homens brancos”.

No entanto, após algumas reuniões e reflexões, diversos líderes indígenas resolveram participar, após entenderem a importância daquele momento histórico. Esta participação ocorreu no dia 19 de abril, que depois foi escolhido, no continente americano, como o Dia do Índio.


+ minha opinião:


Por serem em suma um povo que não avança de acordo com as tecnologias do resto do mundo, os índios cada vez mais perdem seu espaço. Por terem o seu próprio modo de vida e sua própria forma de se organizar, eles não se ''encaixam na sociedade''. Devemos lembrar que são eles que cuidam da natureza e nos ensinam a amá-la,ois vivem dela. Por isso, gosto de defender a ideia de que os índios deveriam ter mais valor na sociedade. Não é querendo ser contraditória. Eu gosto dos avanços tecnológicos, gosto que as coisas fiquem mais fáceis e avançadas de acordo com o tempo, mas também acho fundamental ter a memória e as raízes indígenas protegidas, pois não é só a memória indígena que é preservada, mas a nossa também, faz parte da identidade do nosso país. Cada vez mais, vemos na sociedade, essa memória indígena perdendo seu valor. Aprendemos na escola a importância deles (dos índios), mas me diga: quando frequentamos uma tribo? Quando fomos conhecer de perto a cultura indígena? Vários hábitos do nosso cotidiano, devemos a eles. Como por exemplo...o banho diário, o uso do tabaco, o uso de cores fortes para pintar a cara. Acho que devemos ter em nossas escolas, um ensino mais profundo e fundamentado sobre essa cultura que a muito devemos e que aos poucos está sumindo da sociedade, pois não é o que acontece. E você, o que pensa sobre o assunto?


You Might Also Like

2 Comente!

  1. Gostei do post, Sá. Foi o único entre os blogs que sigo que comentou sobre essa data. :)
    Bem, os índios estão totalmente ligados à natureza, se não respeitam nem a natureza, imagine com os índios.
    Os índios nos foram apresentados como criaturas que habitavam o Brasil antes de seu descobrimento, e não como pessoas que ainda habitam nosso país e que são cada vez mais atacados pelos "homens brancos".
    A galera do governo deveria pensar mais em TODAS as pessoas.
    Beijão!

    http://gleannerodrigues.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado minha linda!
      Acho fundamental tratar de assunto que poucas pessoas dão importância!
      Adoro suas visitas s2

      Excluir

Olá, seja bem vindo :) Diga sua opinião e ela será lida e muito bem vinda, ela é essencial para a construção da identidade deste blog!

Sua opinião será respondida aqui mesmo e em seu blog, por isso peço que deixe seu link para que eu possa retribuir a visita.

Temos twitter: @sabrinabyme e @blogspiderwebs; siga para receber todas as atualizações.

Um recado

Estava esperando por você. Antes de continuar, você precisa saber de algumas coisinhas, ó: isso não é um diário, nem um blog de moda. É apenas um blog. E apesar de alguns textos desde site possuírem um caráter bem pessoal [ao enfatizar sentimentos e circunstâncias] e narrativas por inúmeras vezes cortantes e sensíveis em primeira pessoa, nem todos eles possuem caráter auto-biográfico e opiniões da própria autora.

SPIDERTV

PEQUENAS DOSES DE @SABRINABYME

'' Eu quis encontrar um jeito de nunca morrer, e a partir daí, eu comecei a escrever.''

'' Se tem uma coisa que eu aprendi sobre a dor, é que na maioria das vezes, ela também é a cura''

'' Que eu nunca perca essa vontade de escrever. Jamais. O mundo parece uma prisão, às vezes. Escrever é como abrir janelas.''


leia mais em Pensador.info>