Missão cumprida: ganhadores recebem os prêmios dos sorteios de verão

18:10

Há um ditado que diz: ''missão dada é missão cumprida''. Eu acho que é assim que dizem por aí, e nesse caso, o ditado cai muito bem. Como vocês sabem, nos últimos meses (fevereiro/março) eu realizei aqui no blog dois sorteios de verão, que iriam rolar até o começo do outono aqui no blog. Como os leitores aqui no blog são bem variados, eu sorteei um colar de Aranha em parceria com uma loja virtual e dois livros em um, que eu comprei por aqui  na minha cidade mesmo. Mais de 200 pessoas participaram, no entanto, só iriam ser sorteados dois ganhadores.  

Abrindo aspas aqui, uma coisa que me deixou bastante triste foi a quantidade de dislikes que eu recebi após o sorteio. Algumas pessoas que, infelizmente, não tiveram a sorte de ganhar os prêmios, simplesmente me presentearam com o seu dislike, desprezo e pronto. Eu não esperava isso, mas soube que isso acontece com muitas outras pessoas por aí. A proposta inicial dos sorteios era atrair novos leitores que curtiam as coisas que eu estava sorteando e dar a oportunidade para os leitores antigos concorrerem a coisas que eles curtem. Eu não queria apenas participantes de sorteio e novos seguidores para aumentar meus números. Eu queria atrair o leitor em sua totalidade, não só o seu ''like'', é bem diferente. Eu penso que, se a pessoa aperta o ''curtir'' ela gostou do blog e por isso, tem o total direito de participar do sorteio. Então, no meu ponto de vista, não tem lógica participar de um sorteio do blog se não gostou do mesmo. Você tem total direito de desgostar do blog mas não tem o direito curtir só por causa do sorteio. Se for dar dislike, é melhor nem participar. Após essa experiência ruim que eu tive, farei sorteios mais democráticos onde só leitores de verdade poderão participar, pois eles sim, realmente merecem os meus esforços e outros sorteios abertos ao publico serão expecificados também, assim eu evito esses incômodos. Sei que muita gente pensa diferente, mas é o que eu penso disso tudo. E chega de desabafar aqui. rs

Voltando ao assunto > então, aí semana passada fui na agência dos correios daqui enviar os prêmios. Paguei aquele mico na hora de colocar os endereços, coloquei o remetente no lugar do destinatário (quem nunca?). Apesar da fila estar enorme, quando eu cheguei no balcão, o funcionário foi super leal e simpático comigo, conversamos demais, ele até pediu o URL do blog (agora eu não sei se ele está lendo este post). Mas enfim, apesar de tudo, foi bem legal realizar esse sorteio. Pedi para os ganhadores, assim que recebessem o prêmio em mãos, me mandarem uma foto mostrando. Eles foram super solícitos! O prêmio logo chegou e eles já foram fotografar: obrigado seus lindos, vocês são uns amores. Agora vamos conhecê-los? 


O Eduardo disse que mesmo com inúmeros livros em lista pra ler, ele começou a ler o que ganhou aqui no blog assim que chegou. Ele fez um post no blog dele também, clica aqui pra conferir.


A Hellem disse que adorou o colar, pois ama aranhas e disse que chegou bem rápido!

E vocês, o que acharam? 




You Might Also Like

0 Comente!

Olá, seja bem vindo :) Diga sua opinião e ela será lida e muito bem vinda, ela é essencial para a construção da identidade deste blog!

Sua opinião será respondida aqui mesmo e em seu blog, por isso peço que deixe seu link para que eu possa retribuir a visita.

Temos twitter: @sabrinabyme e @blogspiderwebs; siga para receber todas as atualizações.

Um recado

Estava esperando por você. Antes de continuar, você precisa saber de algumas coisinhas, ó: isso não é um diário, nem um blog de moda. É apenas um blog. E apesar de alguns textos desde site possuírem um caráter bem pessoal [ao enfatizar sentimentos e circunstâncias] e narrativas por inúmeras vezes cortantes e sensíveis em primeira pessoa, nem todos eles possuem caráter auto-biográfico e opiniões da própria autora.

SPIDERTV

PEQUENAS DOSES DE @SABRINABYME

'' Eu quis encontrar um jeito de nunca morrer, e a partir daí, eu comecei a escrever.''

'' Se tem uma coisa que eu aprendi sobre a dor, é que na maioria das vezes, ela também é a cura''

'' Que eu nunca perca essa vontade de escrever. Jamais. O mundo parece uma prisão, às vezes. Escrever é como abrir janelas.''


leia mais em Pensador.info>