Photoset: Infinito particular

01:11




Acho que esse mês foi o mês mais parado do ano aqui no blog. Aliás, esses últimos dois meses. Primeiro comecei a trabalhar, e agora, a estudar. Confesso que, nestes dois meses, mudei muitos conceitos, costumes e prioridades. Acho que com o tempo vocês vão ver como as coisas realmente tomaram rumos diferentes. O blog, por exemplo, que agora é bem mais pessoal do que antes. Concordam? Mas eu acho que tudo isso são fases e nós temos que estar cientes de que elas sempre vão refletir em nossos projetos, nem que seja um mínimo.

Estava organizando umas coisas aqui no computador quando parei pra ver as últimas fotos que tirei. Juro que peguei a câmera poucas vezes durante o mês de julho/agosto, não fotografei quase nada, apenas poucos momentos do cotidiano. Os mais especiais. Achei essas fotografias tão particulares, que mostram o infinito de coisas que tenho aqui em mim. Tudo que gosto e aprecio. Olha só:


Tem coisa mais linda do que esse pôr-do-sol? 


Gostei do contraste. Vejo arte até na lama, me julguem.


Cachorros <3


Natureza <3


Olhando lá de cima, você se sente dono disso tudo aê.
 

A nova melhor amiga dos meus pés.


Lindo em qualquer situação.


olá, progressiva

Acabou, acabou! E aí, o que vocês acharam das fotos aleatórias desse mês? Me conta, me conta, me conta (...)



You Might Also Like

7 Comente!

  1. Adorei as fotografias, principalmente da natureza, por do sol e tals. Lindas fotos!

    Beijos,
    posrealidade.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Maximoooo... amei a da lama viu, eu vejo arte em tudo, se tivesse uma poderosa nas mãos como vc tem, eu iria fazer uma festa... hahahahaha
    Amei mesmo e seu gatoooo, que deliciaaaa, eu mordia fácil e virava Felícia ainda mais fácil... rsrsrsrs... Bjks e bom fim de semana... Uhuuu chegou.

    http://www.artesdosanjos.com.br/2013/08/adote-um-animal-carente-entrevista-para.html

    ResponderExcluir
  3. Concordo completamente que os nossos desejos e prioridades mudam de acordo com o tempo, já aconteceu comigo. ADOREI a imagem da lama e das folhas, juro. <3

    ACESSO PERMITIDO.
    http://acessopermitidoblog.blogspot.com.br/
    Siga o Acesso no twitter: @nerdisbetter

    ResponderExcluir
  4. Fiquei COMPLETAMENTE apaixonada pela foto da lama com as folhas, pois achei um contraste magnífico, extremamente, poético e artístico.
    Sem contar o Lucky sempre gatão e esse cachorrinho ultra fofo :3



    bjs, Herlene Santos do @DES_complicando
    http://ahoradevirarborboleta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Sabrina, dá mesmo para perceber como você mudou desde que conheço seu espaço, me parece mais centrada e encontrando seu caminho. Lindas capturas, adorei a da lama, e as botinhas, também querooo! Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. Lindas fotos, Sa! Sem palavras para as da lama com as folhas. Perfeita mesmo! beijinhos e linda semana.

    ResponderExcluir
  7. Olá Sabrina! Gosto bastante de fotografar também. Parabéns pelas suas! Voltarei aqui ao seu espaço com mais frequência!
    Te aguardo no meu: http://jollyroger80s.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá, seja bem vindo :) Diga sua opinião e ela será lida e muito bem vinda, ela é essencial para a construção da identidade deste blog!

Sua opinião será respondida aqui mesmo e em seu blog, por isso peço que deixe seu link para que eu possa retribuir a visita.

Temos twitter: @sabrinabyme e @blogspiderwebs; siga para receber todas as atualizações.

Um recado

Estava esperando por você. Antes de continuar, você precisa saber de algumas coisinhas, ó: isso não é um diário, nem um blog de moda. É apenas um blog. E apesar de alguns textos desde site possuírem um caráter bem pessoal [ao enfatizar sentimentos e circunstâncias] e narrativas por inúmeras vezes cortantes e sensíveis em primeira pessoa, nem todos eles possuem caráter auto-biográfico e opiniões da própria autora.

SPIDERTV

PEQUENAS DOSES DE @SABRINABYME

'' Eu quis encontrar um jeito de nunca morrer, e a partir daí, eu comecei a escrever.''

'' Se tem uma coisa que eu aprendi sobre a dor, é que na maioria das vezes, ela também é a cura''

'' Que eu nunca perca essa vontade de escrever. Jamais. O mundo parece uma prisão, às vezes. Escrever é como abrir janelas.''


leia mais em Pensador.info>